Jornada de Agroecologia: estratégias e disputas na construção de um projeto ecológico para a agricultura no estado do Paraná

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36920/esa-v30n1-5

Palavras-chave:

Jornada de Agroecologia, agroecologia no Paraná, campesinato no Paraná, agricultura no Paraná, agriculturas em disputa

Resumo

Recorrendo ao pensamento decolonial e à ecologia política, apresentamos e analisamos, no presente trabalho, as principais estratégias promovidas desde a Jornada de Agroecologia, as quais têm estimulado e orientado a construção de um projeto ecológico para a agricultura (ou um projeto agroecológico) no estado do Paraná. Ademais, buscamos destacar as principais disputas que ocorreram nesse período entre os(as) protagonistas de projetos opostos para a agricultura. O que denominamos como projeto agroecológico surgiu em 2001, em oposição e como alternativa ao projeto do agronegócio, e foi elaborado e promovido por um coletivo de atores plurais, sob o protagonismo do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra, comprometidos com a agroecologia e com o campesinato no estado do Paraná. Consolidou-se rapidamente no país como um projeto político-social e ambiental orientado pela proposta agroecológica, cuja maior expressão é a chamada Jornada de Agroecologia. Podemos destacá-la como um espaço de formação político-pedagógico que procura recuperar, elaborar e promover conhecimentos e práticas político-sociais, econômicas, culturais e ambientais entre os atores sociais presentes, buscando valorizar e promover a agroecologia e o campesinato, assim como colocar em questionamento e denunciar o projeto do agronegócio. O texto revela as principais estratégias e disputas com setores do agronegócio que ocorreram em diferentes regiões do estado do Paraná.

elocation-id: e2230105
Recebido: 01.07.2021   •   Aceito: 18.02.2022   •   Publicado: 04.03.2022
Artigo original  /  Revisão por pares cega  /  Acesso aberto

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kauê Pessoa, Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Curitiba, Paraná, Brasil

Doutor em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR).
https://orcid.org/0000-0002-4868-6908
http://lattes.cnpq.br/9392240040732931
kaue.zero@gmail.com

Alfio Brandenburg, Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Curitiba, Paraná, Brasil

Professor Titular do Departamento de Sociologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Doutor em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).
https://orcid.org/0000-0001-9973-4175
http://lattes.cnpq.br/9418421009456502
alfiob@hotmail.com.br

Downloads

Publicado

03-03-2022