Mudanças na estrutura fundiária do Sertão paraibano e suas implicações para a consolidação da agricultura familiar

Changings in land ownership structure in the semi-arid Brazilian northeast and their implications for family farming consolidation

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36920/esa-v28n2-1

Resumo

O objetivo do presente artigo é analisar as conexões entre as mudanças da estrutura fundiária do Sertão semiárido e a presença da pequena propriedade, em particular aquela vinculada à agricultura familiar. O diálogo com a produção bibliográfica sobre o Nordeste nos desafiou a problematizar as dinâmicas que levaram à fragmentação da grande propriedade na região citada. A partir de um esforço de pesquisa quali-quantitativo, realizamos um trabalho empírico na região do Sertão Paraibano, especificamente na Microrregião da Serra do Teixeira, com base em duas questões: (1) quais elementos possibilitaram a constituição da imagem do Sertão nordestino como espaço do latifúndio e da grande propriedade? (2) quais ideias fundamentaram as representações da origem da agricultura familiar no Sertão Paraibano? Nossa pretensão é, a partir de evidências empíricas ainda não problematizadas sobre o Nordeste, construir  hipóteses orientadoras de interpretações sobre a constituição dos grupos sociais e dos espaços rurais do Sertão Nordestino, particularmente em referência à consolidação da agricultura familiar na espacialidade focalizada.
Palavras-chave: estrutura fundiária; Sertão nordestino; agricultura familiar.

Artigo recebido em 30 de agosto de 2019.  Aceito em 26 de fevereiro de 2020.

Como citar
MAIA, Kaliane de Freitas; GOMES, Ramonildes Alves. Mudanças na estrutura fundiária do Sertão Paraibano e suas implicações para a consolidação da agricultura familiar. Estudos Sociedade e Agricultura, Rio de Janeiro, v. 28, n. 2, p. 259-283, jun. 2020.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kaliane de Freitas Maia, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG)– Campina Grande, Paraíba, Brasil

Pós-doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).
http://orcid.org/0000-0003-2098-5022
http://lattes.cnpq.br/8183401555462707
kalianemaia@yahoo.com.br

Ramonildes Alves Gomes, Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) – Campina Grande, Paraíba, Brasil

Doutora em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Professora e pesquisadora no Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).
https://orcid.org/0000-0001-5009-9625
http://lattes.cnpq.br/7709505914296073
rnildes@hotmail.com

Downloads

Publicado

2020-06-01