Antagonismo e reciprocidade na (re)afirmação identitária dos geraizeiros: luta por território e água no norte de Minas Gerais

Antagonism and reciprocity in the (re)statement of geraizeiros’ identity: fight for territory and water in northern Minas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36920/esa-v28n3-8

Resumo

Este artigo, elaborado com base em pesquisa de campo realizada entre 2015 e 2017, tem como foco o estudo de conflitos socioambientais e territoriais, vivenciados por três comunidades geraizeiras do norte do estado de Minas Gerais. O texto parte da premissa de que a resistência e as lutas pela retomada territorial dos geraizeiros, iniciada por volta dos anos 2000, teve como estopim o agravamento da escassez hídrica. A tomada de consciência de que a diminuição da água, em suas fontes naturais, foi ocasionada pela presença dos extensos monocultivos de eucalipto nas chapadas e outras formas de degradações ambientais, levou às comunidades a se reorganizar e reafirmar sua identidade na luta por direitos. A construção identitária geraizeira é reafirmada no conflito, manifestado explicitamente a partir de antagonismos com grupos que usurparam seus territórios tradicionais. A forte coesão coletiva – mantenedora e intensificadora dos laços de reciprocidade, observada entre os comunitários na busca pela restauração hídrica e conservação da biodiversidade do Cerrado – tem levado ao entendimento de que a luta pela água passa a fazer parte desse constructo identitário.
Palavras-chave: comunidades geraizeiras; identidade; territórios tradicionais; água.


Como citar
SOUZA, Jonielson Ribeiro de; SAUER, Sérgio. Antagonismo e reciprocidade na (re)afirmação identitária dos geraizeiros: luta por território e água no norte de Minas Gerais. Estudos Sociedade e Agricultura, Rio de Janeiro, v. 28, n. 3, p. 676-699, out. 2020. DOI: https://doi.org/10.36920/esa-v28n3-8.

Recebido em 5 de junho de 2020.  Aceito em 21 de agosto de 2020.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jonielson Ribeiro de Souza, Universidade Federal de Goiás (UFG) – Goiânia, Goiás, Brasil

Doutorando no Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Performances Culturais da Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Federal de Goiás (PPGIPC/FCS/UFG). 
jonielsondesouza@gmail.com
https://orcid.org/0000-0001-7035-9914
http://lattes.cnpq.br/0008902073655939

Sérgio Sauer, Universidade de Brasília (UnB) – Brasília, Distrito Federal, Brasil

Professor na Faculdade UnB de Planaltina (FUP), no Programa de Pós-graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural (PPG-Mader) e no Centro de Desenvolvimento Sustentável (CDS), da Universidade de Brasília (UnB). Doutorado em Sociologia pela Universidade de Brasília (UnB).
sauer.sergio@gmail.com
https://orcid.org/0000-0002-2014-3215
http://lattes.cnpq.br/2783679231462590

Downloads

Publicado

2020-10-01