Where are governments leading their agricultural sectors? Comparative lessons from agri-environmental measures promoted in the U.S., Europe and Brazil

Para onde os governos estão direcionando seus setores agrícolas? Lições comparativas da promoção de medidas agro-ambientais pelos EUA, Europa e Brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36920/esa-v27n1-1

Resumo

Este estudo tem como objetivo analisar as lições comparativas dos esforços atuais para promover agricultura sustentável pelos principais países produtores de alimentos no mundo. Especificamente, pretende-se entender: 1) até que ponto os governos estão priorizando os esforços de conservação em seu orçamento para a política agrícola; 2) o que as medidas agroambientais existentes realmente oferecem em termos de conservação ambiental; e 3) quais são as possibilidades de melhoria nas políticas existentes para enfrentar os desafios ambientais atuais. Entrevistas com agricultores e especialistas, bem como uma revisão de literatura, revelam que os mecanismos agroambientais ganharam algum espaço nos orçamentos das políticas agrícolas, mas representam apenas 5,8% do orçamento americano, 5,75% do europeu e 1,25% do orçamento brasileiro. Os principais impactos ambientais da agricultura seguem por ser enfrentados, como o manejo de água e nutrientes nos EUA, cuja gestão resultou em não mais do que 10% de redução de fósforo na água; erosão do solo e perda de biodiversidade na Europa, onde as populações de aves agrícolas diminuíram em mais de 40%; e a restauração de reserva legal e de área de preservação permanente no Brasil, que responde por menos de 6% da necessidade das fazendas do país. Enquanto as organizações ambientais defendem maiores investimentos em conservação, os agricultores organizados defendem a necessidade de manter os atuais níveis de apoio para o setor se manter competitivo. Este impasse indica que podemos esperar pequenas adaptações, mas não mudanças estruturais nas políticas agrícolas no futuro próximo.
Palavras-chave: políticas agrícolas; agronegócio, meio ambiente.

MEDINA, Gabriel da Silva. Where are governments leading their agricultural sectors? Comparative lessons from agri-environmental measures promoted in the U.S., Europe and Brazil. Estudos Sociedade e Agricultura, v. 27, n. 1, p. 5- 23, fev. 2019.

Recebido em outubro de 2018.
Aceito em dezembro de 2018.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriel da Silva Medina, Universidade Federal de Goiás (UFG), Brasil

Doutorado em Ciências Naturais pela Universidade de Freiburg na Alemanha, pós-doutorado em Políticas Ambientais pelo Imperial College London no Reino Unido com bolsa da Capes, professor e coordenador do Programa de Pós-Graduação em Agronegócio da Universidade Federal de Goiás (UFG).
E-mail: gabriel.silva.medina@gmail.com
http://lattes.cnpq.br/4866331905231029

Publicado

2019-02-01